TCDF pede investigação, à Controladoria Geral do DF, de denúncia de nepotismo na gestão Rollemberg

210
Print Friendly, PDF & Email

Uma denúncia sobre mais um caso de nepotismo na gestão do governador, Rodrigo Rollemberg (PSB), ganha a atenção da mídia do DF. Nesse caso trata-se de mãe e filha, supostas cabos eleitorais da ex-candidata à presidência da República, Marina Silva (PSB), estão trabalhando em órgãos do GDF.

A denúncia recebida por Política Distrital, por email, sem identificar a fonte, aponta Carolline Larissa Rosa Balbino, Assessora da Assessoria de Comunicação Social, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente do Distrito Federal,  nomeada em  15 de Janeiro, e ainda, Kally Cristina Rosa Balbino, Chefe, da Assessoria de Comunicação Social, do Instituto do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos do Distrito Federal (IBAM), desde 27 de Janeiro.

Ainda de acordo com o denunciante, o caso foi encaminhado ao Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF), e que o presidente do TCDF, Renato Rainha, não havia se manifestado sobre o caso.

Publicidade

O blog fez contato com a Assessoria de Comunicação (ASCOM) do TCDF que confirmou o recebimento da denúncia. De acordo com a ASCOM: “Ele não encaminhou para a ouvidoria do tribunal. O presidente [Renato Rainha] encaminhou um ofício para a Controladoria Geral do DF (CGDF) pedindo que investigue o caso e nos informe as providências adotadas.”.

Artigo anteriorEm nove meses, GDF só apresenta inexperiência e falta de gestão
Próximo artigoTCDF investiga se há favorecimento a empresa de secretário da equipe de Rollemberg