Reguffe presta contas de suas emendas parlamentares ao Orçamento de 2019

70
Print Friendly, PDF & Email

O senador Reguffe (sem partido-DF) ocupou a tribuna do Plenário nesta segunda-feira (1º) para detalhar as emendas parlamentares apresentadas por ele para a Lei Orçamentária de 2019. Cada parlamentar pode sugerir a destinação de até R$ 15,4 milhões para execução no Orçamento federal.

Reguffe disse que priorizou levar recursos federais para a educação, a saúde e a segurança pública, o que, na sua opinião, são as principais áreas de atuação do Estado. Para o custeio da saúde e compra de medicamentos para o Distrito Federal, o parlamentar destinou R$ 5,3 milhões. Na aquisição de equipamentos hospitalares, um total de R$ 4 milhões. Outro R$ 1 milhão foi destinado na suplementação orçamentária para construção do Hospital do Câncer na capital federal.

Para a Educação, Reguffe destinou R$3,2 milhões para reforma de escolas públicas e R$ 1,8 milhão para a aquisição de novas viaturas para a polícia e para o Corpo de Bombeiros Militar do DF.

O senador informou que apresentou uma solicitação para que o Senado vote a obrigação dos parlamentares de prestar conta de suas emendas.

— Acredito que as propostas das emendas parlamentares deveriam ser apresentadas na campanha para os eleitores. Com a imposição da execução das emendas, esse instrumento se tornou uma importante parte de um mandato e deveria ser objeto de um maior cuidado por parte dos parlamentares, com critérios rígidos, e também receber uma atenção maior por parte dos eleitores.

Publicidade

Fonte: Agência Senado