Comissão requisita informações sobre vazamento de dados de clientes de loja de departamento

53
Print Friendly, PDF & Email

Segundo informações, 2 milhões de clientes que adquiriram vale-presentes da loja C&A teriam sido afetados

Após notícias de vazamento de dados de clientes da loja C&A, a Comissão de Proteção de Dados Pessoais do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) instaurou procedimento administrativo para acompanhar as consequências do incidente de segurança. O documento é da última quinta-feira, 30 de agosto.

Um hacker teria afirmado a um site especializado em notícias de tecnologia que foram expostos os dados de 2 milhões de clientes da loja varejista. O ataque teria sido ao sistema de vale-presentes. Entre as informações vazadas, estariam o número do cartão, CPF, e-mail, valor adquirido como presente, e-mail do funcionário que fez a transação, número do pedido e data da compra.

Confira aqui a portaria que instaura o procedimento.

Fonte: MPDFT

0
Publicidade

Comentário