Reginaldo Veras critica gratificação por multa durante descanso a agentes de trânsito, aprovada por Rollemberg

168
Print Friendly, PDF & Email

Em publicação na rede social Facebook (7/Jul), o deputado distrital, Reginaldo Veras (PDT), publicou uma crítica ao governador do DF, o socialista, Rodrigo Rollemberg (PSB), por aprovar mais uma lei desfavorável ao contribuinte brasiliense. A lei concede gratificação aos agentes de trânsito para multar contribuintes durante o “descanso”.

Confira a postagem:

“Mais uma lei distrital para tirar dinheiro dos cidadãos!!! Agentes do trânsito vão receber gratificação no “descanso” para multar os contribuintes.

O governador do DF, Rodrigo Rollemberg conseguiu neste final de mandato, com o apoio da Câmara Legislativa, aprovar mais uma lei para onerar ainda mais o bolso dos contribuintes do DF.

O Diário Oficial do DF publicou neste começo de julho, a Lei 6.164, de 29 de junho deste ano, que cria gratificação especial para que agentes de trânsito do Detran e do DER (Departamento de Estradas e Rodagens) trabalhem também em “períodos de descanso”. O governo local criou assim cotas extras para que aqueles agentes possam estar na ruas não apenas fiscalizando ou disciplinando o trânsito, mas também multando os motoristas e reforçando o caixa do GDF.

Publicidade

Conforme a nova lei já em vigência e que tem prazo de 180 dias para ser regulamentada, caberá àqueles dois departamentos locais convocar os servidores para a realização das jornadas extras. A cota da gratificação de fiscalização é de R$ 300. De início o governo autorizou 850 cotas mensais para o DER-DF e 1.750 cotas para o Detran. 

Enquanto milhares de jovens concursados aguardam convocação para atuarem no Corpo de Bombeiros e em outros cargos da área da segurança pública, tão desfalcada, o governador opta por destinar recursos da população para incrementar ainda mais a indústria de multas que penalizam a população do DF.”. 

0

Comentário