Se prepare Rollemberg: TSE derruba decisão do TRE que barra críticas ao governo

53
Print Friendly, PDF & Email

Com aproximadamente 70% de reprovação, propagandas partidárias contra Rollemberg devem ser intensificadas

Por Kleber Karpov

Na quarta-feira (13/Dez), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) derrubou a liminar do Tribunal Regional Eleitoral do DF (TRE-DF), que proibia o Democratas (DEM) a veicular propaganda partidária que criticava o governador do DF, Rodrigo Rollemberg (PSB). Ao obter vitória em segunda instância, o DEM abre as portas para propagandas contrárias à gestão de Rollemberg, de partidos, também vetados pelo TRE-DF.

Com cerca de 70% de desaprovação, a impopularidade de Rollemberg, com a derrubada da liminar no TSE, abre as portas também para os partidos Trabalhista Brasileiro (PTB) e dos Trabalhadores (PT) e, da Social Democracia Brasileira (PSDB), todos barrados pelo TRE-DF, pelo mesmo motivo do DEM.

Outro fator importante é que com a decisão do TSE, em desfavor do Partido Social Brasileiro (PSB), que moveu as ações que ocasionaram a censura por parte do TRE-DF, outras legendas também devem passar a utilizar a propaganda partidária para mostrar o que muitos chamam de péssimo desempenho de Rollemberg a frente do GDF.

Publicidade

Peças suspensas pela Justiça de legendas partidárias

1

Comentário