Subtenente da PM é elogiada, na CLDF, por impedir assalto no Itapoã

Print Friendly, PDF & Email

Luís Cláudio Alves

Vários deputados distritais elogiaram na sessão ordinária da Câmara Legislativa desta quarta-feira (16) a ação da subtenente da Polícia Militar Maria Angélica Brito Machado, que conseguiu impedir um assalto no Itapoã, no último sábado, mesmo sem estar armada. O deputado Wellington Luiz (PMDB) elogiou a coragem da policial e informou que apresentará uma moção parabenizando-a pelo ato.

Na ação, a subtenente Maria Angélica tomou a arma do assaltante e o dominou. Na opinião do distrital, a atitude demonstra a coragem e o comprometimento dos operadores de segurança, que mesmo sem as condições mínimas de trabalho não deixam de cumprir o seu papel. “A subtenente é mãe de três filhos e, mesmo desarmada, arriscou sua vida para evitar um assalto”, destacou.

O deputado Wasny de Roure (PT) disse conhecer a policial, a quem classificou de “altamente comprometida com a segurança pública”. Para ele, gestos como esse são dignos de reconhecimento. O presidente da Câmara Legislativa, deputado Joe Valle (PDT), também elogiou a ação da policial e a parabenizou por sua bravura.

Crise

Os distritais também voltaram a discutir os problemas na segurança pública e o impasse entre os policiais civis e o GDF na luta pela isonomia da categoria com a Polícia Federal. O líder do governo na Casa, deputado Agaciel Maia (PR), disse ser favorável ao projeto de equiparação, mas ressaltou que o quadro financeiro do governo é complicado. Segundo ele, em outros estados a situação é bem pior.

Wellington Luiz considerou faltar humildade ao governador Rodrigo Rollemberg para ouvir os especialistas do próprio governo e encontrar soluções para a crise financeira. Também o deputado Raimundo Ribeiro (PPS) criticou o governo, a quem classificou de “lerdo, surdo e mouco”.

Ribeiro acusou o GDF de descaso com os parlamentares e de mandar seguir deputados, “numa demonstração de desprezo pela Câmara Legislativa”. Agaciel Maia rebateu a acusação, mas Ribeiro confirmou a denúncia e disse já ter identificado a pessoa e que vai apresentá-la formalmente em breve. Para Raimundo Ribeiro, o objetivo do governo é tentar desgastar os deputados e o próprio Legislativo.

Saúde

A crise na saúde pública também foi comentada na sessão ordinária desta tarde. O deputado Chico Vigilante (PT) afirmou que a sensação dos pacientes é de que não existe mais saúde pública no DF. O distrital discorreu sobre vários problemas do setor e chamou a atenção para a fila de mais de mil pessoas com câncer que “vão morrer” sem atendimento adequado.

 Fonte: CLDF
0

Kleber Karpov

@KleberKarpov Jornalista (MTB 10379-DF) Perfil Acadêmico e Profissional Pós-Graduando em Auditoria em Serviços de Saúde (ICESP-DF) Graduado em Jornalismo (ICESP-DF); Ciências Políticas (Veduca/USP); Consultor em Tecnologia da Informação; Consultor em Marketing Político; Coordenador de Campanhas políticas ou institucionais; ex-Assessor Parlamentar na Câmara Federal; Vice-Presidente da Associação Brasiliense de Blogueiros de Política (ABBP); Projetos Pessoais e Sociais: Criador do projeto www.queromeucarrodevolta.com.br (2012), para vítimas de roubos e furtos de veículos; Editor e Apresentador do telejornal Quero Meu Carro de Volta Apresentador do Panorama Político (Rádio Federal) Envie sua sugestão de pauta: Whatsapp: (61) 99606-2984 E-Mail: karpovls@gmail.com

Você pode gostar...

Comentário