Juíza do DF alerta Rollemberg sobre baixo efetivo de legistas

Print Friendly, PDF & Email

A juíza Leila Cury, da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, encaminhou nesta quinta-feira (13) um ofício ao governador do DF, Rodrigo Rollemberg, em que alerta sobre o baixo efetivo de médicos legistas. De acordo a juíza, há uma enorme demanda represada de exames periciais que aguardam agendamento junto ao Instituto Médico Legal (IML), o que contribui para a superlotação carcerária que o DF enfrenta atualmente e obriga a Justiça a contratar peritos particulares, gerando novos custos.

A PCDF possui atualmente 74 médicos legistas, um efetivo bem abaixo do que o necessário. Por lei, a partir do número populacional de 2013, o DF deveria ter 160 legistas, o que resulta num déficit atual de quase 60% do quadro necessário.

Do último concurso para legistas, ainda resta a convocação de 43 aprovados. O governo do DF tem data limite até abril de 2018 para finalizar as convocações. Novas aposentadorias de médicos legistas em 2017devem agravar ainda mais a situação.

Confira o documento!

5