Farmácia popular do DF registra falta de medicamentos

16
Print Friendly, PDF & Email

Secretaria de Saúde diz que processo de compra está em andamento

A rede pública de saúde tem 104 medicamentos indisponíveis para a população. Segundo a Secretaria de Saúde do Distrito Federal, já está em andamento o processo de compra desses remédios.

Dos 58 medicamentos de alto custo, 11 já estão em fase de recebimento nos próximos 30 dias e outros 47 em processo de aquisição.

A Secretaria de Saúde informou que o atraso ocorre por motivos variáveis, como atraso em entregas, suspensão e fracasso de processos de licitações. O Governo do Distrito Federal (GDF) diz que adota medidas emergenciais para promover o abastecimento no menor tempo possível.

A Secretaria de Saúde informa que cabe aos médicos definirem, em conjunto com o paciente, a substituição por algum medicamento disponível.

Ouça íntegra do programa 

Publicidade

Outros destaques do Repórter Nacional Brasília desta quarta-feira (12): – Novo programa do GDF, Alimenta Brasília, quer incentivar pessoas e empresas a doarem alimentos; – Unidades do Na Hora vão passar a oferecer serviços dos Correios;  – Caesb é autorizada a usar R$ 39,5 milhões da tarifa de contingência; – Adasa terá que exonerar 13 servidores contratados irregularmente.

Fonte: EBC/Rádio FM Brasília

0

Comentário