Segurança Pública: Pesquisa aponta cenário pessimista e reprovação da Polícia Civil do DF

10
Print Friendly, PDF & Email

Diante do cenário de cortes orçamentários e de condições de trabalho cada vez menos favoráveis na Polícia Civil do Distrito Federal, os Sindicatos dos Policiais Civis (Sinpol-DF), dos Delgados de Polícia Civil (Sindepo-DF) e dos Peritos Oficiais Criminais (Sindiperícia-DF) encomendaram pesquisa para avaliação da Segurança Pública do DF.

O levantamento, realizado pelo instituto Exata OP, envolveu 449 profissionais (homens e mulheres) da categoria, com entrevistas realizadas de 19 a 21 de junho. O resultado apontou um cenário de muito pessimismo, com índices negativos que vão desde a gestão da PCDF à expectativa de melhorias do setor.

A rejeição do governador Rodrigo Rollemberg é sinal claro da insatisfação da categoria com a atual gestão. Seu desempenho é visto como péssimo por 86% dos profissionais que participaram da pesquisa e como ruim por 7,6%. No mesmo caminho está o diretor-geral da PCDF, Eric Seba. Questionados sobre o seu desempenho no comando da corporação, 53,2% dos entrevistados responderam péssimo e 21,6% destes classificaram como ruim.

Tal insatisfação, além das mobilizações que nos últimos meses têm ganhado as ruas de Brasília, tem despertado em parte dos policiais civis a vontade de mudar de carreira e de sair da PCDF. Diante da pergunta se sairiam da polícia, caso tivesse oportunidade, 72,6% afirmou que sim e apenas 14,9% disse não.

Outro dado preocupante está relacionado à expectativa de aumento da violência, diante das medidas tomadas pelo GDF. Nesse aspecto, 88,4% dos entrevistados acreditam que a segurança pública vai piorar, enquanto apenas 1,8% veem o futuro com otimismo.

A margem de erro da pesquisa é de 3% e o intervalo de confiança, de 95% A integra pode ser acessada no link: Pesquisa de Satisfação PCDF.

Fonte: Ascom Sinpol-DF

1

Comentário