Opinião: GDF contratou, a partir de 2012, mais de R$ 40 milhões da JBS, contrapartida? 

Kleber Karpov

@KleberKarpov Jornalista (MTB 10379-DF) Perfil Acadêmico e Profissional Graduado em Jornalismo pelas Faculdades Icesp no DF; Consultor em Tecnologia da Informação; Consultor em Marketing Político; Coordenador de Campanhas políticas ou institucionais; ex-Assessor Parlamentar na Câmara Federal; Diretor Administrativo da Associação Brasiliense de Blogueiros de Política; Projetos Pessoais e Sociais: Criador do projeto Quero Meu Carro de Volta (www.queromeucarrodevolta.com.br), lançado em 2012. Serviço de utilidade pública dedicado às vítimas de roubos e furtos de veículos em todo o país; Editor e Apresentador do telejornal Quero Meu Carro de Volta, veiculado pela TV Gênesis, em todo o Brasil, Argentina, México, Espanha e parte dos EUA. Envie sua sugestão de pauta: Whatsapp: (61) 9606-2984 E-Mail: karpovls@gmail.com

Você pode gostar...

Comentário

2 Resultados

  1. 25 de maio de 2017

    […] Durante a gestão de Agnelo Queiroz e na atual de Rollemberg, entre  2012 e 2017, A JBS foi conte…, por meio de contrato firmado com a Secretaria de Estado de Educação do DF (SEDF). Desse montante, cerca de R$ 30 milhões foram liquidados, de acordo com dados do Sistema de Transparência do GDF. […]

  2. 27 de maio de 2017

    […] empresa, por sua vez, ao longo dos governos do ex-governador Agnelo, preso na última semana por suspeita de superfaturamento do Estádio Nacional Mané Garrinch…. Apenas na gestão do atual chefe do Executivo, cerca de R$ 20 milhões empenhados, desses, R$ 12,5 […]