Hospitais do DF voltam a suspender cirurgias por falta de roupas  

Print Friendly, PDF & Email

Suspensão afetou procedimentos cirúrgicos nos hospitais do Gama, Sobradinho, Santa Maria e Base

Por Kleber Karpov

Na tarde de quarta-feira (21/Dez), a NJ Lavanderia anunciou uma nova suspensão nos serviços de lavagem de roupas das unidades hospitalares da Secretaria de Estado de Saúde do DF (SES-DF). O motivo, mais um atraso de pagamento da empresa que atende a SES-DF por meio de contrato emergencial. Politica Distrital teve acesso a mensagem atribuída, supostamente ao proprietário da NJ.

“Pessoal amanhã infelizmente não poderemos mais atender vocês . Todas as roupas coletadas hoje serão entregues amanhã pela manhã , não coletaremos as roupas sujas nos hospitais os funcionários de Santa Maria não irão trabalhar também . Pessoal já não dependem de nós . Não pagamos o 13 salário e nossos colaboradores não estão querendo mais trabalhar sem receber e com razão. Infelizmente não podemos mais fazer nada , mais de um mês atras a secretaria prometeu nos pagar . Agradeço a compreensão de todos e vamos torcer para que a secretaria honre seu compromisso.”.

Nessa quinta-feira, o desespero com suspensões de procedimentos cirúrgicos, por falta de roupa, voltou a acontecer nos hospitais de Base do DF (HBDF), de Sobradinho (HRS), Gama (HRG) e de Santa Maria (HRSM). Em outra mensagem recebida por PD, que circula entre grupos da Saúde do DF, um suposto gestor do HRSM, em desespero, também pede ajuda. A NJ Lavanderia retirou os funcionários que atendiam a unidade.

“Senhores, boa noite! Perdão pelo horário, mas preciso urgentemente de qualquer um dos nobres amigos que possa me ajudar: estou com a lavanderia da Santa Maria completamente parada, pois devido a falta de pagamento da SES junto a NJ, todos os funcionários que trabalhavam na Lavanderia do HRSM foram retirados ( no HRSM só trabalham funcionários da NJ). Alguém pode me ajudar? Não estou tendo sequer quem possa me ajudar a coletar as roupas sujas  nas enfermarias. Preciso de ajuda para lavagem e secagem das roupas. Estou a berlinda no HRSM…Preciso de ajuda…qualquer ajuda. Quem puder, agradeço desde já….

Fim de ano

Para o presidente do Sindicato dos Médicos do DF (SINDMÉDICO-DF), Gutemberg Fialho, a paralisação dos serviços é preocupante e demonstra a falta de capacidade de gestão dentro da SES-DF.

“É público e notório que os senhores secretário de Saúde e o governador do DF sabem que no período de fim de ano a demanda nos hospitais aumentam exponencialmente. Deixar de pagar por serviços que podem comprometer o atendimento na ponta, demonstra a total falta de capacidade de gestão desse governo.”, disparou o Sindicalista.

O que diz a SES

PD entrou em contato com a SES-DF, que por meio da Assessoria de Comunicação informou que, “nos próximos dias”, deve efetuar “o pagamento de parte da dívida de 2015, no valor de R$ 1,3 milhões”. De acordo com a Secretaria, a pasta negocia com a NJ Lavanderia o reestabelecimento do atendimento nas unidades de saúde prejudicadas com a suspensão de lavagem de roupas.

“A pasta está em negociação com a empresa NJ Lavanderia para que o serviço seja totalmente restabelecido nos hospitais de Sobradinho, Gama, Santa Maria e Base.”.

A SES-DF, no entanto, nega que houve paralisação total dos serviços de lavanderia mas observou que passaram a realizar apenas procedimentos de emergênicia em decorrência da suspensão das lavagens de roupas hospitalares.

“A Saúde esclarece que houve paralisação parcial do serviço de lavanderia nessas unidades e, por este motivo, apenas procedimentos de emergência estão sendo realizados. Frisa-se, o serviço de lavanderia não foi totalmente interrompido.”.

0