“É uma mentirosa contumaz”, afirma presidente da Câmara Legislativa, sobre Liliane Roriz

Print Friendly, PDF & Email

Presidente da Câmara Legislativa do DF desqualifica a ex-Liliane Roriz após divulgação de áudios  

Por Kleber Karpov

Após a divulgação de áudios que expõe membros da Mesa Diretora da CLDF, incluindoa a presidente da Câmara Legislativa do DF (CLDF), Celina Leão (PPS), a Leoa, como é chamada, partiu para o ataque, na manhã de quinta-feira (18/Ago). Após reunião com 22 deputados, concedeu entrevista coletiva para desqualificar denúncias da ex-presidente da Casa, a distrital, Liliane Roriz (PTB).

Celina Leão explicou que Liliane Roriz está passando por processo de quebra de decoro na CLDF e não poupou adjetivos para deixar claro que a deputada usou de ficção, mentira e edição seletiva de áudios, para tentar atingi-la, aos membros da Mesa Diretora e à própria imagem da CLDF.

“A excelentíssima deputada Liliane está passando por um processo de quebra de decoro parlamentar. Onde ela está sendo investigada pela Mesa da Casa. A responsabilidade de investigar a deputada Liliane é a Mesa. […]  Acredito que ela se sentiu coagida, pressionada pela Instituição e essa Casa nunca vai se furtar nenhum colega, qualquer colega que tenha, supostas ilicitudes e, naquele momento é importante colocar que a acusação da deputada Liliane ela é totalmente falha, porque a emenda parlamentar é da deputada Liliane, a emenda parlamentar da qual a deputada acusa a mesa, é dela [Liliane Roriz].[…] Se existe alguma irregularidade é a própria deputada Liliane Roriz que tem que responder. Porque qual é o sentimento da Mesa Diretora. Ela quis ameaçar os membros da Mesa Diretora, numa tentativa de desqualificar os deputados, aí até respondendo a sua pergunta, numa suposta investigação que ocorre dentro da Casa, com a Deputada Liliane Roriz. ”.

A parlamentar também atacou Liliane Roriz e o governo ao afirmar que, por fazer parte da base do governo, a ação foi orquestrada, para tentar, covardemente, desqualificar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde do DF.

“A fala ontem do Palácio do Buriti reforça todas as minhas acusações aqui, só que uma trama dessa, montada com  uma dose de crueldade, mas com muita mentira ela não vai se estabelecer, ela não irá se estabelecer.”.

Confira a entrevista na íntegra

GDF

O governo que, em geral, não comenta atos do Legislativo, ao telejornal DF TV, 2ª Edição, (18/Ago), se pronunciou para repudiar as afirmações sobre interferência na CPI da Saúde e afirmar que confia nos órgãos competentes para apurar essas denúncias.

Dias contados?

Coincidência ou não, o julgamento da família Roriz aconteceu na mesma data em que a ex-presidente da CLDF, divulgou os áudios à imprensa. Além de processos na CLDF, Liliane Roriz enfrenta ainda julgamento da 5ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do DF e dos Territórios (TJDFT).

Liliane e membros da família Roriz foram condenados, em julho de 2015, por improbidade administrativa. Na quarta-feira (17/Ago), dois dos três desembargadores votaram pela manutenção da condenação. Porém, por motivos de mudança no Código de Processo Civil, uma vez que a decisão não foi unânime, a decisão pode ser revertida em nova audiência que ainda não foi agendada.

Com informações do G1 DF

0

Kleber Karpov

@KleberKarpov Jornalista (MTB 10379-DF) Perfil Acadêmico e Profissional Pós-Graduando em Auditoria em Serviços de Saúde (ICESP-DF) Graduado em Jornalismo (ICESP-DF); Ciências Políticas (Veduca/USP); Consultor em Tecnologia da Informação; Consultor em Marketing Político; Coordenador de Campanhas políticas ou institucionais; ex-Assessor Parlamentar na Câmara Federal; Vice-Presidente da Associação Brasiliense de Blogueiros de Política (ABBP); Projetos Pessoais e Sociais: Criador do projeto www.queromeucarrodevolta.com.br (2012), para vítimas de roubos e furtos de veículos; Editor e Apresentador do telejornal Quero Meu Carro de Volta Apresentador do Panorama Político (Rádio Federal) Envie sua sugestão de pauta: Whatsapp: (61) 99606-2984 E-Mail: karpovls@gmail.com

Você pode gostar...

Comentário