Acareação entre sindicalista e vice-governador, votação de PELO e Comissão Geral das Organizações Sociais prometem movimentar o DF nesta semana

Print Friendly, PDF & Email

Esclarecimentos de contradições em supostas existências de esquemas de propinas nas secretarias de Fazenda e de Saúde de áudios gravados pela presidente do SindSaúde-DF, Marli Rodrigues em reunião com vice-governador do DF, Renato Santana são esperados durante acareação na CPI da Saúde. E esclarecimentos e tentativas de evitar contratações de Organizações Sociais também estão na pauta da CLDF

Por Kleber Karpov

Na manhã desta segunda-feira (15/Ago) deve ocorrer a acareação, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde do DF, na Câmara Legislativa do DF (CLDF), entre o vice-governador do DF, Renato Santana (PSD) e a presidente do Sindicato dos Empregados de Estabelecimentos da Saúde do DF (SindSaúde-DF), Marli Rodrigues.

O objetivo é esclarecer depoimentos divergentes entre os dois, durante oitiva na CPI da Saúde (21/Jul). Na ocasião, Marli Rodrigues foi convocada e Santana convidado a esclarecer áudios em que conversam em reuniões gravadas pela sindicalista que, após vazamento, foi divulgado pela revista Isto é (15/Jul) e o jornal Metrópoles (16/Jul). Outro áudio gravado com entre a presidente do SindSaúde-DF e o ex-secretário de Saúde, Fábio Gondim, também são objetos de investigação da CPI.

A CPI apura supostos esquemas de propinas nas secretarias de Estado de Fazenda do DF (SEFAZ-DF) e na Saúde do DF (SES-DF). Em desfavor de Marli pesa o fato de ter mentido durante a oitiva, ao afirmar que não disponha de novos áudios ou documentos e, uma semana após a oitiva (29/Jul), a sindicalista revelou a existência de um segundo áudio gravado em outra reunião com o vice-governador, entregue ao Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT).

O episódio das gravações renderam até o momento três exonerações, por parte do governador do DF, Rodrigo Rollemberg (PSB), do então ouvidor do GDF,  Valdecir Medeiros, que participou da primeira reunião entre Marli e Renato Santana, do ex-jornalista da Secretaria de Estado de Turismo do DF (SETUR-DF), Caio Barbieri, presente no áudio de encontro entre a sindicalista e Gondim e do cargo de assessor jurídico-legislativo no gabinete da Secretaria de Segurança Pública do DF (SSP-DF) foi o delegado Rafael Sampaio. Esse último por encabeçar a criação de uma força tarefa de delegados aposentados para ajudar nas investigações da CPI da Saúde, na Câmara Legislativa do DF (CLDF).

PELO 43/2016

Outro evento esperado para o dia 18 é a votação do Projeto de Emenda à Lei Orgânica do DF (PELO) nº 43/2016, de autoria do deputado distrital, Ricardo Vale (PT), em tramitação na Comissão Especial para Exame e Propostas a Lei Orgânica –CEPELO.

O PELO 43/2016 tem por objetivo impedir que o GDF possa contratar Organizações Sociais (OSs) para assumir a gestão compartilhada da Saúde do DF.

COMISSÃO GERAL DAS OSS

Na tarde do dia 18, às 15 horas, o deputado distrital, Chico Vigilante (PT), deve realizar a Comissão Geral, no plenário da CLDF, para discutir as OSs no âmbito do DF.

13938465_540884056110756_2880988476910029942_n

0

Kleber Karpov

@KleberKarpov Jornalista (MTB 10379-DF) Perfil Acadêmico e Profissional Pós-Graduando em Auditoria em Serviços de Saúde (ICESP-DF) Graduado em Jornalismo (ICESP-DF); Ciências Políticas (Veduca/USP); Consultor em Tecnologia da Informação; Consultor em Marketing Político; Coordenador de Campanhas políticas ou institucionais; ex-Assessor Parlamentar na Câmara Federal; Vice-Presidente da Associação Brasiliense de Blogueiros de Política (ABBP); Projetos Pessoais e Sociais: Criador do projeto www.queromeucarrodevolta.com.br (2012), para vítimas de roubos e furtos de veículos; Editor e Apresentador do telejornal Quero Meu Carro de Volta Apresentador do Panorama Político (Rádio Federal) Envie sua sugestão de pauta: Whatsapp: (61) 99606-2984 E-Mail: karpovls@gmail.com

Você pode gostar...

Comentário