Com ódio, Rollemberg se vinga de Celina Leão por ter convocado a CPI da Saúde para investigar corrupção no Governo

19
Print Friendly, PDF & Email

Duas semanas após ter convocado em caráter emergencial a CPI da Saúde, para apurar o rumoroso caso de pagamento de propinas, dentro do Governo de Brasília, a deputada Celina Leão(PPS), presidente da Câmara Legislativa, começa a sofrer pesadas retaliações do governador Rodrigo Rollemberg. Aliados de Celina que exerciam cargo de comissão no Governo estão sendo exonerados sem dó e piedade

“A ordem é botar pra fora quem do governo estiver apoiando a CPI da Saúde ou comentar pelos corredores de que há corrupção no governo”, confidenciou ao Radar nesta sexta-feira (29) um administrador regional que pediu reserva ao seu nome.

O que diz ele já está acontecendo desde o primeiro dia em que a Comissão Parlamentar de Inquérito da Câmara Legislativa, criada para investigar o caos no sistema de saúde do DF, foi convocada em caráter de urgência, em pleno recesso, para ouvir a presidente do SindSaúde, Marli Rodrigues, e o vice-governador Renato Santana a cerca dos áudios que chegaram ao conhecimento público de que o Governo Rollemberg, virou um balcão de pagamentos de propinas. O propinoduto tem raízes na Secretaria de Saúde e na Secretaria da Fazenda.

O primeiro a sofrer uma dura retaliação com a perda do cargo foi o delegado Rafael Sampaio da Assessoria Legislativa da Secretaria de Segurança Pública e Paz Social. Rafael que também é dirigente sindical da categoria dos delegados de Polícia Civil ofereceu aos membros da CIP da Saúde o auxílio para ajudar nas investigações. Nesse mesmo pacote Rollemberg mandou tirar os cargos do ouvidor da Vice-Governadoria, Valdecir Marques de Medeiros e do chefe da assessoria de comunicação da Secretaria de Turismo, Caio Barbieri. Os dois ajudaram a denunciar a roubalheira do dinheiro publico.

Ontem, o Diário Oficial veio recheado de exonerações de comissionados ligados a presidente da Câmara Legislativa, Celina Leão. Rollemberg culpa a deputada por tudo que está acontecendo. O Administrador do Cruzeiro, ligado a Celina, foi demitido enquanto o administrador de Sobradinho II já estaria se adiantando para entregar o cargo hoje.

Publicidade

No DETRAN foram muitos que amanheceram sem o emprego. A briga está feia. “O governo socialista está à deriva e completamente rachado”, analisa um deputado distrital da base aliada de Rodrigo Rollemberg. Sem querer mostrar a cara, o parlamentar afirma que o governador está tomando atitudes equivocadas o que leva a crer que haja realmente pagamento de propinas no governo e que ele, Rollemberg, tem envolvimento.

Nota de Celina Leão
A Deputada Celina Leão, Presidente da Câmara Legislativa, manifesta apoio incondicionais as investigações da CPI da Saúde e repudia, veementemente, os atos do GDF contrários às investigações.

A Parlamentar suspendeu o recesso legislativo e convocou extraordinariamente a Câmara, para que os Membros da CPI pudessem discutir as novas denúncias veiculadas na imprensa, fazer oitivas em função dos áudios de conversas comprometedoras de servidores com autoridades, que demonstravam indícios de corrupção no GDF.

Celina condena a forma como o atual governo age no propósito de desqualificar a denunciante, Marli Rodrigues que de forma corajosa, traz a público notícias de possíveis irregularidades implantadas na pasta da saúde.

Neste momento delicado, vem o GDF com mais um ato de covardia ao exonerar o Delegado de Polícia Rafael de Sá Sampaio, que, juntamente com uma equipe de Delegados ofereceu, voluntariamente, ajuda nas investigações.

A Presidente da CLDF entende que, nesta crise toda ajuda para a CPI é bem-vinda, quanto mais vindo de uma polícia séria e comprometida com a verdade.

A Deputada repudia, ainda, o fato de o governo ter fechado todo o canal de negociação com os policiais civis do DF, na busca de alternativa de recomposição salarial. Celina diz que não se pode crucificar toda uma categoria, só pelo fato da polícia investigar, de forma independente, atos do GDF.

A Parlamentar entende, ainda, que este Governo, que ela ajudou a eleger, perdeu o rumo de suas propostas de campanha. Se tornou uma continuação do Governo Agnelo, que a Deputada Celina tanto combateu e hoje, o ex-governador responde há dezenas de processos cíveis e criminais, na maioria, por conta de suas representações.

É importante lembrar que, por meio das fiscalizações realizadas por Celina, a justiça anulou os contratos da licitação do transporte público. Mesmo sabendo disto, o atual Governo não tomou providências no sentido de cumprir com a decisão judicial.

O Governador Rodrigo Rollemberg teve a oportunidade de estancar a corrupção instalada desde o governo passado e não o fez. Os modus operandi da corrupção continuam neste governo.

Deputada CELINA LEÃO
Presidente da CLDF

Fonte: Radar Condomínios

0

Comentário