Celina Leão fala sobre Saúde, superendividados do BRB em programa da Rádio OK FM

Print Friendly, PDF & Email

Deputada lembrou papel da Câmara Legislativa na fiscalização das ações do Executivo

Por Kleber Karpov

Na tarde de domingo (3/Abr), a presidente da Câmara Legislativa do DF (CLDF), deputada Celina Leão (PPS), deu entrevista na rádio OK, FM no programa Domingão Tudo OK, em que abordou diversos problemas da conjuntura política do DF. Entre os temas a falta de recursos na Saúde do DF, o superendividamento de servidores do GDF…

Celina Leão lembrou do trabalho da CLDF realizado recentemente da CPI do Transporte Público que levou a detenção de seis pessoas.

“Ação popular que suspendeu a licitação do transporte. “A gente conseguiu em uma ação popular suspender a licitação do transporte. Nós abrimos também a CPI. O mais legal de tudo é que se você ver o despacho do Juiz que anulou essa licitação. Ele acompanhou a CPI. Ele assistiu várias audiências  da CPI lá sentado sem se identificar que é juiz. É muito legal a pessoa foi no poder Legislativo acompanhar as oitivas, nós já tivemos a condenação de seis pessoas.”

A Distrital explicou que para efeitos de enquadramento de perfil de superendividados o BRB estabeleceu que são pessoas com mais de 70% de descontos junto ao banco, em que se incluiu o desconto consignado, cheque especial e até o cartão de crédito.

CPI do Transporte Público

A Deputada observou que há três áreas que precisam ser fiscalizadas pela CLDF.

“Primeiro é o transporte público porque o cidadão usa todos os dias.  Então assim, querendo ou não 900 mil pessoas no DF usam, são usuários do transporte público. Nós estamos falando de uma licitação que custava R$ 120 milhões por ano e depois passou a custar R$ 1 bilhão por ano. A gente tinha que ter tido uma grande melhora do transporte público para ela custar 10 vezes mais para o Estado.” disse ao lembrar a dificuldade que o usuário passa com superlotação e atrasos dos ônibus na cidade.”

Saúde

Celina lembrou ainda a destinação de R$ 352 milhões das emendas parlamentares para a Saúde pública do DF e falou da dificuldade para conscientizar os parlamentares para fazer tal destinação.

“Todo parlamentar tem sua base eleitora. Alguns são deputados regionais que foram eleitos com muitos votos em determinadas regiões. Então ele gostaria, por exemplo, de ter aquelas emendas deles executadas lá. É absolutamente normal. Então realmente não foi um trabalho fácil de fazer. A gente conseguiu conversar com todos os parlamentares e todos eles de forma espontânea tiveram a consciência que era o momento que a gente precisava socorrer a saúde porque a gente não teria orçamento até o final do ano, todos nós abrimos mão de 80% das nossas emendas e colocamos na área da Saúde.”

Superendividados do BRB

Celina falou sobre a negociação realizada junto ao BRB para permitir que mais de 1000 servidores do GDF, superendividados, pudessem renegociar as dívidas junto ao Banco.

“A gente teve a oportunidade de conhecer um grupo, um blogueiro que me procurou, o Kleber Karpov [Jornalista, blogueiro, editor do blog Política Distrital], inclusive quero mandar um abraço para ele, querido Kleber, e aí ele falou: -Celina, nós estamos com uma situação de um bombeiro que estava tentando o suicídio porque ele teve muitas dívidas no BRB e tal e nós estamos montando um grupo de endividados. E aquilo começou com cinco pessoas e hoje esse Facebook dos endividados tem mais de 5 mil pessoas até a semana passada. E aí o que a gente começou a fazer¿ A gente descobriu isso e pedimos uma reunião com o BRB, conseguimos uma reunião no BRB e o BRB se comprometeu conosco de fazer um processo de renegociação com os superendividados que eram servidores públicos. Você sabe o que a gente descobriu pessoal, que é muito grave, que nós estávamos com mais de 1000, e isso foi um levantamento preliminar, mais de 1000 trabalhadores que estavam sem receber zero há anos. E o pior de tudo. Como ele não tem possibilidade de renegociar com juros a 12%, 13% ao mês,  porque geralmente é juros de cartão de crédito, é juros de cheque especial, essa dívida fica praticamente impagável, Quero mandar um abraço para a Elied [Barbosa de Oliveira, servidora da Secretaria de Estado de Saúde que coordena o grupo de superendividados do BRB], também que é a líder desse grupo.”

Confira a entrevista:

 

 

 

0

Kleber Karpov

@KleberKarpov Jornalista (MTB 10379-DF) Perfil Acadêmico e Profissional Pós-Graduando em Auditoria em Serviços de Saúde (ICESP-DF) Graduado em Jornalismo (ICESP-DF); Ciências Políticas (Veduca/USP); Consultor em Tecnologia da Informação; Consultor em Marketing Político; Coordenador de Campanhas políticas ou institucionais; ex-Assessor Parlamentar na Câmara Federal; Vice-Presidente da Associação Brasiliense de Blogueiros de Política (ABBP); Projetos Pessoais e Sociais: Criador do projeto www.queromeucarrodevolta.com.br (2012), para vítimas de roubos e furtos de veículos; Editor e Apresentador do telejornal Quero Meu Carro de Volta Apresentador do Panorama Político (Rádio Federal) Envie sua sugestão de pauta: Whatsapp: (61) 99606-2984 E-Mail: karpovls@gmail.com

Você pode gostar...

Comentário