Câmara Legislativa instala CPI do Transporte Público

10
Print Friendly, PDF & Email

 

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) instalou na tarde desta quinta-feira (14) a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigará possíveis irregularidades na concorrência realizada pela Secretaria de Transportes em 2012 que resultou na redução de número de ônibus em circulação, a chamada CPI do Transporte Público. Os cinco integrantes da Comissão elegeram por unanimidade o deputado Bispo Renato (PR) para presidente e a deputada Sandra Faraj (SD) para vice-presidente. O presidente eleito indicou como relator da investigação o deputado Raimundo Ribeiro (PSDB).

Também integram a CPI os deputados Rafael Prudente (PMDB) e Ricardo Vale (PT). A Comissão terá 180 dias para investigar as possíveis irregularidades. A presidente da Câmara, deputada Celina Leão (PDT), conduziu a instalação do colegiado e disse que espera que a CPI descubra se houve alguma coisa errada na licitação do transporte público.

O deputado Bispo Renato agradeceu a confiança dos colegas afirmou que pautará a condução da investigação com isenção. Segundo ele, os trabalhos da CPI não serão partidarizados ou usados politicamente, “por nenhum lado”.

O relator da CPI, deputado Raimundo Ribeiro, assegurou que agirá em nome do bloco que integra, que reúne os distritais do PSDB, PTC, PPL e PRTB. Ribeiro afirmou ainda que a CPI deve investigar sem qualquer conotação ideológica ou partidária.

Publicidade

Após a instalação, os integrantes da Comissão se reúnem reservadamente para definir os métodos de trabalho e as próximas reuniões.

Fonte: CLDF

0

Comentário