Ex-subsecretário de Agnelo é investigado por Irregularidades

46
Print Friendly, PDF & Email

Mais um ex-membro da diretoria executiva do PT e colaborador do ex-governador, Agnelo Queiroz (PT), terá que se explicar com a polícia.

Nesta Quarta-Feira (11/Mar), o ex-Secretário de Estado Adjunto da Sercond (Sercond), Fernando Araújo Negreiros, foi indiciado pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por envolvimento no esquema de corrupção e lavagem e lavagem de dinheiro por conta de parcelamento irregular do condomínio Mini Chácaras, localizado na Região Administrativa Lago Sul.

A Operação Revelação da PCDF, resultou em mandados de busca e apreensão de documentos, computadores e até de uma caminhonete. A ação ocorreu nas RAs Paranoá, Guará e Gama.  investigada há cinco meses, indiciou vários ex-servidores do GDF, entre eles Negreiros, bem como levou três pessoas a prisão.

De acordo com informações do delegado da Delegacia Especial de Proteção ao Meio Ambiente e à Ordem Urbanística (Dema)/PCDF, Negreiros, também, ex-coordenador do Grupo de Análise e Aprovação de Parcelamentos do Solo e Projetos Habitacionais, da Secretaria de Estado de Regularização de Condomínios do Distrito Federal (Grupar), recebeu uma caminhonete em troca de emissão de documento que atestava a consolidação do Mini Chácaras.

Fora da cidade, Negreiros, ainda deve se apresentar à PCDF.

Publicidade

Ex-secretário do PT-DF

Negreiros que exercia cargo comissionado no GDF também atuava nos bastidores políticos do DF. Ex-terceiros vice-presidente do PT (2012), ocasião em que o Partido era presidido pelo então deputado federal, Roberto Policarpo.

Negreiros foi ainda responsável pela coordenação da campanha eleitoral do ex-presidente e atual tesoureiro do Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimento de Saúde do Distrito Federal (SindSaúde-DF), Antônio Agamenon, que concorreu, em 2010, para vaga à deputado distrital, ocasião em que ficou com a quarta suplência.

Colaboradores de Agnelo em fria?

Na tríade GDF, PT e SindSaúde, o Política Distrital publicou matéria recentemente sobre o bloqueio dos bens do ex-governador  que foi estendido a outros três colaboradores do governo, um deles pertencente a vários quadros, entre eles o Sindicato.

O ex-chefe de Comunicação Social da Terracap, Sandoval de Jesus Santos, é técnico licenciado do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) e articulador dos bastidores políticos do PT. Santos foi membro da diretoria executiva do Partido em que ocupou o cargo de secretário-­geral (2012), mesmo período em que Negreiros atuava na condição de vice-presidente do Partido.

5

Comentário